“Stalkear significa perseguir alguém (estar obcecada). Muitas pessoas podem fazer, mas não no intuito de prejudicar a outra pessoa, mas pra saber um pouco mais, assim como tem fãs obcecados por seus ídolos e simplesmente quer saber sobre tudo até o que o famoso está comendo.”

Às vezes me pergunto de onde que vem essa obsessão em vigiar as pessoas que amamos ou temos algum tipo de afeto. A minha regra é clara, quanto mais eu me machuco mais eu procuro. É um ciclo vicioso! Talvez essa seja a minha maneiro desesperada de achar algo que faça com que eu desista daquele “crush” que parece ser infinito por você.
É sempre assim, toda vez que encontro algo que me magoa, que dói lá no meu intimo tento encontrar desculpas para continuar insistindo; “ela nem é tão bonita assim” ou “não deve ser nada sério” e nessas continuo perdendo tempo investindo em algo sem futuro, em sentimentos nulos, vazio de afeto, sem reciprocidade e daí entro no modo “rasgando e costurando coração” repetidas vezes.
Sobre o modo rasgando e costurando coração: é o ato de se machucar e depois ficar lambendo as feridas para cicatrizar e quando a ferida estiver quase cicatrizada você se machucar de novo. É o ato onde você se auto sabota,  onde mesmo sabendo o resultado final você paga pra ver, seja porque você espera que outro mude e possa te responder de volta seja no sentimento ou intensidade de afetuosidade ou porque as vezes a ideia de perder aquela pessoa seja pior, doa mais do que admitir que não dará certo.







Deixe um comentário

Tecnologia do Blogger.